JCR: 0,712; SJR: 0,339; H Index Scopus: 29; Qualis na área de Enfermagem: A1

ISSN: 1518-8345

  • USP
  • Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto USP
  • Who Collaborating Centre

Número Atual: V26

Artigos Originais

Eficácia de manual educativo para acompanhantes de parto: estudo piloto de ensaio clínico randomizado

Efficacy of an educational manual for childbirth companions: pilot study of a randomized clinical trial

Liana Mara Rocha Teles, Camila Félix Américo, Mônica Oliveira Batista Oriá, Camila Teixeira Moreira Vasconcelos, Odaléa Maria Brüggemann, Ana Kelve de Castro Damasceno

Objetivo: avaliar a eficácia de um manual educativo na instrumentalização do acompanhante para prestar apoio à parturiente e verificar a sua influência na satisfação do acompanhante e da mulher com o processo de parto vaginal. Método: piloto de ensaio clínico controlado randomizado com 65 acompanhantes e puérperas (intervenção=21 e controle=44). O conhecimento prévio dos acompanhantes foi avaliado em linha de base. Utilizou-se o Formulário de Avaliação do Acompanhante em Sala de Parto para mensurar as ações prestadas e a satisfação com a experiência e o Questionário de Experiência e Satisfação com o Parto para avaliar a satisfação da puérpera com este. Foram utilizados os testes t de Student ou Wilcoxon, Qui-quadrado ou exato de Fisher, razões de risco e intervalos de confiança a 95%. Resultados: acompanhantes do grupo intervenção realizaram maior número de ações de apoio (7,2 vs 4,6; p:0,001) e tiveram escores mais altos de satisfação com o parto (72,4 vs 64,2; p:0,00). Puérperas do grupo intervenção tiveram maior satisfação com o parto (119,6 vs 107,9; p:0,000). Conclusão: o manual foi eficaz na instrumentalização do acompanhante, contribuiu para ações de apoio à parturiente e repercutiu na satisfação do acompanhante e da mulher com o processo de parto. RBR-776d9s

Padrão espacial e tendência temporal da mortalidade por tuberculose

Spatial pattern and temporal trend of mortality due to tuberculosis

Ana Angélica Rêgo de Queiroz, Thaís Zamboni Berra, Maria Concebida da Cunha Garcia, Marcela Paschoal Popolin, Aylana de Souza Belchior, Mellina Yamamura, Danielle Talita dos Santos, Luiz Henrique Arroyo, Ricardo Alexandre Arcêncio

Objetivos: descrever o perfil epidemiológico da mortalidade por tuberculose (TB), analisar o padrão espacial dessas mortes e investigar a tendência temporal da mortalidade por tuberculose no Nordeste do Brasil. Métodos: estudo ecológico baseado em dados secundários de mortalidade. As mortes por TB foram incluídas no estudo. As estatísticas descritivas e as taxas brutas de mortalidade foram calculadas e suavizadas pelo Método Bayesiano Empírico Local. A regressão de Prais-Winsten foi utilizada para analisar a tendência temporal dos coeficientes de mortalidade por tuberculose. A técnica de densidade de Kernel foi utilizada para analisar a distribuição espacial da mortalidade por TB. Resultados: a tuberculose foi citada em 236 óbitos. A maioria das mortes por tuberculose ocorreu entre os homens, solteiros, de etnia mista e média de idade de 51 anos. As mortes por tuberculose concentraram-se nos distritos de saúde leste, oeste e norte e o coeficiente de mortalidade por tuberculose permaneceu estacionário ao longo do período de estudo. Conclusões: as análises do padrão espacial e da tendência temporal da mortalidade revelaram áreas com maiores taxas de mortalidade por TB, as quais devem ser priorizadas para intervenções de saúde pública visando o controle da doença.

Implementação das práticas baseadas em evidências na assistência ao parto normal

Implementation of evidence-based practices in normal delivery care

Clodoaldo Tentes Côrtes, Sonia Maria Junqueira Vasconcellos de Oliveira, Rafael Cleison Silva dos Santos, Adriana Amorim Francisco, Maria Luiza Gonzalez Riesco, Gilceria Tochika Shimoda

Objetivo: avaliar o impacto da implementação das práticas baseadas em evidências na assistência ao parto normal. Método: estudo de intervenção quase experimental, tipo antes e depois, conduzido em maternidade pública, Amapá. Foram entrevistados 42 profissionais, 280 puérperas e analisados dados de 555 prontuários, desenvolvidos em três fases: auditoria de base (fase 1), intervenção educativa (fase 2) e auditoria pós-intervenção (fase 3). Resultados: após a intervenção, houve incremento de 5,3 pontos percentuais (p.p.) na taxa de parto normal. Na entrevista com as mulheres, constatou-se aumento significativo da presença do acompanhante no trabalho de parto (10,0 p.p.) e da posição vertical ou cócoras (31,4 p.p.); redução significante de amniotomia (16,8 p.p.), posição litotômica (24,3 p.p.) e ocitocina intravenosa (17,1 p.p.). Na perspectiva dos profissionais, houve redução estatística da prescrição/administração de ocitocina (29,6 p.p.). Na análise dos prontuários, observou-se redução significativa da taxa de amniotomia (29,5 p.p.) e da posição litotômica (1,5 p.p.); a taxa de posição vertical ou cócoras apresentou incremento estatístico de 2,2 p.p. Conclusões: houve impacto positivo da intervenção educativa na melhora da assistência à parturiente, mas o processo de implementação não foi capaz de obter sucesso completo na adoção das evidências científicas na assistência ao parto normal nesta instituição.

Avaliação do cuidado primário à pessoa idosa segundo o Chronic Care Model

Assessment of the quality of primary care for the elderly according to the Chronic Care Model

Líliam Barbosa Silva,Sônia Maria Soares, Patrícia Aparecida Barbosa Silva, Joseph Fabiano Guimarães Santos, Lívia Carvalho Viana Miranda, Raquel Melgaço Santos

Objetivos: avaliar a qualidade do cuidado à pessoa idosa com diabetes mellitus e/ou hipertensão arterial na Atenção Primária à Saúde (APS) segundo o Chronic Care Model (CCM) e identificar associações com resultados do cuidado. Método: estudo transversal envolvendo 105 idosos com diabetes mellitus e/ou hipertensão arterial. Para avaliação da qualidade do cuidado, utilizou-se o questionário Patient Assessment of Chronic Illness Care (PACIC) cujo escore total foi comparado com resultados do cuidado que incluiu parâmetros bioquímicos, índice de massa corporal, níveis pressóricos e qualidade de vida. A análise dos dados baseou-se em estatística descritiva e regressão logística múltipla. Resultados: houve predomínio do sexo feminino e mediana de idade de 72 anos. A pontuação mediana do PACIC foi de 1,55 (IQ 1,30-2,20). Entre as dimensões do PACIC, o “Modelo de atenção/tomada de decisão” foi a que apresentou melhor resultado. Não houve diferença estatística entre as medianas do escore total do PACIC e resultados do cuidado individualmente. Entretanto, quando avaliada a boa qualidade de vida e satisfação com a saúde simultaneamente, observou-se diferença estatística entre os valores das medianas. Conclusão: constataram-se baixos escores do PACIC, indicando que o cuidado crônico segundo o CCM na APS parece ainda distante de seus pressupostos.

Estratégias de enfrentamento utilizadas por pessoas vivendo com aids frente à situação da doença

Coping strategies of people living with AIDS in face of the disease

Rafael Tavares Silveira Silva, Richardson Augusto Rosendo da Silva, Iellen Dantas Campos Verdes Rodrigues, Vinicius Lino de Souza Neto, Bárbara Coeli Oliveira da Silva, Francisca Marta de Lima Costa Souza

Objetivo: Identificar as estratégias de enfrentamento de pessoas vivendo com aids frente à situação da doença e analisá-las segundo variáveis socidemográficas, clínicas e hábitos de vida. Método: trata-se de um estudo transversal de cunho quantitativo. A amostra foi composta por 331 pessoas vivendo com aids atendidos em um ambulatório de um hospital de referência no tratamento da aids. Para coletar os dados, foi utilizado o Inventário de Estratégias de Enfrentamento. Resultados: Houve maior referência nos modos de enfrentamento focados na emoção. Os escores médios das mulheres, dos trabalhadores, dos religiosos e dos que nunca abandonaram o tratamento foram mais elevados para todos os fatores. Os usuários que possuíam companheiro, moravam com familiares e receberam apoio no tratamento apresentaram maiores escores médios para os fatores confronto, afastamento e suporte social. Quanto ao lazer e a prática de exercícios físicos também predominou os modos focados na emoção. Identificou-se correlação entre o tempo de tratamento, escolaridade e renda familiar e os fatores do Inventário de Estratégias de Enfrentamento. Conclusão: O estudo permitiu evidenciar que os modos de enfrentamento mais frequentes foram os focados na emoção.

Enfermeiro gestor universitário: uma teoria fundamentada nos dados

University management nurse: a grounded theory

Kamylla Santos da Cunha, Selma Regina de Andrade, Alacoque Lorenzini Erdmann

Objetivo: compreender o significado da gestão universitária realizada por enfermeiros gestores do curso de graduação em enfermagem de uma universidade pública. Método: pesquisa qualitativa, ancorada na teoria fundamentada nos dados. A coleta de dados ocorreu entre maio e setembro de 2016, com entrevistas abertas, no cenário de uma universidade pública federal. Respeitou-se a técnica de análise comparativa constante dos dados, obtendo amostragem teórica com 19 enfermeiros, em dois grupos amostrais. Resultados: emergiram três categorias que configuraram o fenômeno: Articulando coletivos complexos por meio da gestão universitária para a formação qualificada de novos enfermeiros. As categorias incluíram: a) condições, definidas por Percebendo o compromisso com o coletivo, experiências anteriores e formação para a gestão em saúde, como motivações para ser docente gestor; b) ações/interações, delimitadas por Conhecendo e reconhecendo, na prática, o processo de gestão universitária, limites e possibilidades na coordenação de assuntos coletivos complexos; e, c) consequências, como Aperfeiçoando o trabalho docente e se responsabilizando com a formação universitária. Conclusão: os enfermeiros docentes gestores significam a gestão universitária como um conjunto de ações individuais e coletivas que, articuladas em um ambiente social complexo, promovem condições para a formação de enfermeiros críticos e reflexivos com as demandas da sociedade.

Intervenção musical sobre a ansiedade e parâmetros vitais de pacientes renais crônicos: ensaio clínico randomizado

Musical intervention on anxiety and vital parameters of chronic renal patients: a randomized clinical trial

Geórgia Alcântara Alencar Melo, Andrea Bezerra Rodrigues, Mariana Alves Firmeza, Alex Sandro de Moura Grangeiro, Patrícia Peres de Oliveira, Joselany Áfio Caetano

Objetivo: avaliar o efeito de uma intervenção musical sobre a ansiedade e parâmetros vitais em doentes renais crônicos em comparação ao cuidado convencional de clínicas de hemodiálise. Método: ensaio clínico controlado randomizado realizado em três clínicas de terapia renal substitutiva. Foram alocadas aleatoriamente 60 pessoas com doença renal crônica em hemodiálise (30 no grupo experimental e 30 no grupo controle). A ansiedade-estado foi avaliada em ambos os grupos pelo State-Trait Anxiety Inventory. Para verificar o efeito da manipulação experimental sobre as variáveis estudadas foi utilizado o teste t de Student. Resultados: houve diferença estatisticamente significativa entre os grupos no que diz respeito à ansiedade durante a sessão de hemodiálise. O grupo experimental apresentou redução estatisticamente significativa do escore de ansiedade após a audição musical (p = 0,03), bem como pressão arterial sistólica (p < 0,002), pressão arterial diastólica (p < 0,002), frequência cardíaca (p < 0,01) e frequência respiratória (p < 0,006). Conclusão: a música apresenta-se como uma potencial intervenção de enfermagem para a redução da ansiedade-estado durante sessões de hemodiálise. Registro Brasileiro de Ensaio Clinico: RBR-64b7x7.

Artigos de Revisão

New

Instrumentos para cuidado de lesão por pressão na pediatria e hebiatria: revisão integrativa da literatura

Instruments for the care of pressure injury in pediatrics and hebiatrics: an integrative review of the literature

Mayara Kelly Moura Ferreira, Sabrina de Souza Gurgel, Francisca Elisângela Teixeira Lima, Maria Vera Lúcia Moreira Leitão Cardoso, Viviane Martins da Silva

Objetivo: identificar instrumentos existentes na literatura científica acerca do cuidado de lesão por pressão em pacientes pediátricos e hebiátricos. Método: revisão integrativa, selecionando-se 32 artigos, das bases de dados PubMed/Medline, LILACS, Scopus e CINAHL, usando os descritores lesão por pressão, úlcera de decúbito, pediatria, adolescente e protocolos, e equivalentes, nos idiomas inglês e espanhol. Critérios de inclusão: artigo de pesquisa na íntegra, nos idiomas português, inglês ou espanhol, sem delimitação temporal. Análise descritiva adotada para categorização dos instrumentos encontrados nos três domínios do cuidado: avaliativo, preventivo e curativo. Resultados: encontrados 25 instrumentos para o cuidado de lesão por pressão na pediatria e hebiatria, com destaque para escala de Braden Q, a mais utilizada para avaliação do risco de lesão por pressão, e os protocolos com diretrizes para o estadiamento da lesão, desenvolvidos pela National Pressure Ulcer Advisory Panel (NPUAP) e European Pressure Ulcer Advisory Panel (EPUAP). Conclusão: na literatura científica, há instrumentos válidos e confiáveis que podem ser usados na prática assistencial de enfermagem, voltados para os cuidados avaliativo, preventivo e curativo de lesão por pressão em pacientes pediátricos e hebiátricos.

New

Eficácia da intervenção de enfermagem para aumento da esperança em pacientes com câncer: uma meta-análise

Effectiveness of nursing intervention for increasing hope in patients with cancer: a meta-analysis

Ping Li, Yu-Jie Guo, Qing Tang, Lei Yang

Objetivo: meta-análise para avaliar a eficácia da intervenção de enfermagem, no nível de esperança para pacientes com câncer. Método: foram pesquisados bancos de dados eletrônicos. Dois dos autores, de forma independente, extraíram os dados dos estudos elegíveis e os agruparam no software Stata 13.0. Resultado: nove ensaios clínicos randomizados foram incluídos e a qualidade metodológica destes estudos foi avaliada utilizando as recomendações do manual Cochrane. Um modelo de efeito aleatório foi usado para combinar resultados dos estudos elencados. O agrupamento dos resultados por meio de um modelo de efeitos fixos mostrou primeiros escores revelaram um efeito significativamente maior após o uso da intervenção de enfermagem entre os grupos. Foi identificada heterogeneidade entre os estudos para pós-teste (df = 8, p = 0.000; I2 =76.1 %). Os resultados indicaram heterogeneidade significativa nos nove estudos selecionados. O teste para heterogeneidade não demonstrou homogeneidade entre os estudos de acompanhamento (df = 8, p = 0.328; I2 = 12.9 %), mas sem significância estatística. Conclusão: as evidências atuais sugerem que a intervenção de enfermagem tem um efeito positivo no sentimento de esperança em pacientes com câncer. No entanto, são necessários mais ensaios controlados randomizados em maior escala e de alta qualidade para confirmar esses resultados.

Estudos de avaliação das intervenções de saúde na escola: revisão integrativa de literatura

Studies evaluating of health interventions at schools: an integrative literature review

Eliabe Rodrigues de Medeiros, Danielle Gonçalves da Cruz Rebouças, Alany Carla de Sousa Paiva, Camila Priscila Abdias do Nascimento, Sandy Yasmine Bezerra e Silva, Erika Simone Galvão Pinto

Objetivo: identificar e analisar as evidências disponíveis sobre as estratégias utilizadas nos estudos de avaliação das intervenções de saúde na escola. Método: revisão integrativa com busca na LILACS, CINAHL, CUIDEN, ScienceDirect e PubMed. A partir dos critérios de inclusão e exclusão predefinidos foram relacionados 121 artigos para compor a amostra. Resultados: predominaram estudos no idioma inglês (97,5%), com abordagem quantitativa (80,2%), referente às intervenções executadas na Região das Américas (54,6%) e Europeia (23,1%). Em sua maior parte, tratam-se de intervenções em formato de programas (70,2%), interessadas em avaliar resultados (73,5%) a partir do julgamento de valor (83,4%). Prevaleceram intervenções com foco em eficácia, nos efeitos ou no impacto e as atividades realizadas nas intervenções estavam voltadas para atividades físicas, alimentação saudável, saúde sexual e reprodutiva, saúde mental e uso do tabaco, álcool e outras drogas. Estas são trabalhadas através de atividades de acompanhamento clínico, promoção da saúde e prevenção de doenças. Conclusão: as evidências apontam que as avaliações das intervenções de saúde na escola focalizam os resultados produzidos em programas mediante o julgamento de valor. As temáticas mais abordadas foram alimentação saudável, atividade física, prevenção ao uso de álcool e outras drogas, entre outros.

Trombólise dirigida por cateter para pacientes com trombose venosa profunda aguda das extremidades inferiores: uma metanálise

Catheter-directed thrombolysis for patients with acute lower extremity deep vein thrombosis: a meta-analysis

Wang Li, Zhang Chuanlin, Mu Shaoyu, Chao Hsing Yeh, Chen Liqun, Zhang Zeju

Objetivos: Avaliar os estudos de séries de casos e avaliar quantitativamente os efeitos da trombólise dirigida por cateter (TDC) e comparar a eficácia entre TDC e anticoagulação nos pacientes com trombose venosa profunda aguda das extremidades inferiores (TVP) para tratamento futuro. Métodos: Foram pesquisadas as seguintes bases de dados relevantes: PubMed, Embase, Cochrane, Ovid MEDLINE e Scopus​. Os critérios de inclusão foram aplicados para pacientes selecionados com TVP aguda de extremidades inferiores tratados com TDC comparada a TDC com anticoagulação. Nos estudos de série de casos, as estimativas agrupadas de resultados de eficácia para a taxa de permeabilidade, lise completa, retrombose e síndrome pós-trombótica (SPT) foram calculadas em todos os estudos. Em estudos comparando TDC com anticoagulação, foi calculada a razão de chance de resumo (summary odds ratio - OR). Resultados: Vinte e cinco artigos (seis comparando TDC com anticoagulação e 19 séries de casos), incluindo 2.254 pacientes, preencheram os critérios de elegibilidade. Nos estudos da série de casos, os resultados agrupados foram: taxa de permeabilidade 0,87 (IC95%: 0,85-0,89), lise completa 0,58 (IC95%: 0,40-0,75), e retrombose 0,11 (IC95%: 0,06-0,17), SPT 0,10 (IC95%: 0,08-0,12). Seis estudos que compararam os resultados de eficácia entre TDC e anticoagulação mostraram que TDC foi associada à redução da SPT (OR 0,38; IC95%: 0,26-0,55; p<0,0001) e maior taxa de permeabilidade (OR 4,76; IC95%: 2,14-10,56; p<0,0001). Conclusão: Pacientes com TVP aguda de extremidades inferiores que recebem TDC estão associados a uma menor incidência de SPT e maior incidência de taxa de permeabilidade. Em nossa metanálise, TDC é um tratamento eficaz para pacientes com TVP aguda de extremidades inferiores.

Utilização da espessura do músculo adutor do polegar em pacientes hospitalizados ou em acompanhamento ambulatorial: uma revisão sistemática

Use of adductor pollicis muscle thickness in hospitalized or ambulatory patients: a systematic review

Brunna Gabrielly Ferreira da Silva Soares, Andréa Pereira Vicentini

Objetivo: analisar a utilização da Espessura do Músculo Adutor do Polegar (EMAP) como parâmetro antropométrico e indicador prognóstico em pacientes hospitalizados ou em acompanhamento ambulatorial. Método: revisão sistemática realizada nas bases de dados Web of Science, SCOPUS e Lilacs. Resultados: foram avaliados 23 estudos, desenvolvidos em pacientes críticos, cirúrgicos, oncológicos, nefropatas e hepatopatas, e coletados os dados de referência bibliográfica, local do estudo, objetivos, número de pacientes, faixa etária, metodologia, principais resultados e conclusão. A EMAP mostrou-se um bom parâmetro antropométrico para avaliação do estado nutricional em pacientes críticos sem edema, cirúrgicos, oncológicos e nefropatas, porém apresentou fraco desempenho no diagnóstico de desnutrição em hepatopatas. Além disso, demonstrou ser bom indicador prognóstico para mortalidade em pacientes críticos, nefropatas e oncológicos, e também bom preditor de hospitalização em nefropatas. Revelou associação com complicações neurológicas na Encefalopatia Hepática (EH) em hepatopatas, porém não previu complicações no pós-operatório em pacientes cirúrgicos. Conclusão: a EMAP foi considerada bom parâmetro antropométrico na maioria das condições clínicas, exceto em pacientes hepatopatas, bom indicador prognóstico para mortalidade em pacientes críticos, oncológicos e nefropatas, e preditor de complicações neurológicas na EH. É necessária maior investigação prognóstica, padronização dos pontos de cortes e avaliação da sensibilidade e especificidade.

Uso de trolamina para prevenção e tratamento da radiodermatite aguda: revisão sistemática e meta-análise

Use of trolamine to prevent and treat acute radiation dermatitis: a systematic review and meta-analysis

Amanda Gomes de Menêses, Paula Elaine Diniz dos Reis, Eliete Neves Silva Guerra, Graziela De Luca Canto, Elaine Barros Ferreira

Objetivo: avaliar os efeitos da trolamina na prevenção ou no tratamento da radiodermatite. Método: revisão sistemática e meta-análise. Em janeiro de 2016, foram desenvolvidas estratégias detalhadas de busca individual para Cinahl, Cochrane Library Central, LILACS, PubMed e Web of Science. Também foram realizadas buscas manuais para encontrar referências adicionais. Se utilizou Google Scholar para buscar a literatura cinzenta. Dois investigadores leram os títulos e resumos de cada referência cruzada de forma independente. O risco de viés dos estudos incluídos foi analisado com a ferramenta Cochrane Collaboration Risk of Bias Tool. A qualidade das evidências e a classificação da força das recomendações foram avaliadas mediante os Grades of Recommendation, Assessment, Development and Evaluation (GRADE). Resultados: foram identificados sete ensaios clínicos controlados. Os controles utilizados foram calêndula, placebo, preferência institucional / atenção padrão, Aquaphor®, RadiaCare™ e Lipiderm™. Os estudos foram agrupados utilizando a frequência de eventos e o índice de risco com intervalos de confiança de 95% em subgrupos, de acordo com a graduação da radiodermatite. Conclusão: com base nos estudos incluídos nesta revisão, a trolamina não pode ser considerada um produto padronizado para a prevenção ou o tratamento da radiodermatite em pacientes com câncer de mama e cabeça e pescoço.

Financiamento:CNPqSIBi

Contato

Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto - USP
Revista Latino-Americana de Enfermagem
Av. Bandeirantes, 3900 - Vila Monte Alegre
CEP: 14040-902 - Ribeirão Preto, SP, Brasil

Telefone: +55 (16) 3315-3451, +55 (16) 3315-4407
E-mail: rlae@eerp.usp.br